» Muro da Escola Estadual Marília de Dirceu - Studio Travellero

Facebook Instagram

Muro da Escola Estadual Marília de Dirceu

Esta pintura aconteceu em meio ao primeiro mural, mas a consideramos a segunda. Foi uma questão de oportunidade. O muro da escola vivia cheio de pichações (principalmente xingamentos), ameaças e coisas relativas ao tráfico de drogas e no intuito de trazer um pouco de alegria para aquele espaço, um grupo de grafiteiros cariocas se reuniu para fazer um bombing que significa uma ação simultânea para pintar o lugar. Passamos por ali nesse momento e observamos que havia sobrado justamente o final do muro. No dia seguinte passamos novamente e como os grafites já estavam terminados e o trecho final continuava cinzento, decidimos ocupar aquele espaço.

Juntamos nossas tintas e fomos para lá. Um desafio diferente se apresentou para nós: a textura da parede. O pincel não deslizava de jeito nenhum, o que consumiu mais tinta e mais água. Neste painel mantivemos algumas pichações nas quais víamos valores artísticos e as incorporamos à pintura e, deste modo, ajudaram a conduzir nosso pensamento de ocupação do espaço plástico. Usamos uma paleta bastante intensa com diversos contrastes e, além disso, este painel tem momentos bem singulares. Há desde uma figuração que aparece em breves instantes, passando por linhas, áreas com passagens e sutilezas cromáticas até situações de extrema abstração. Há uns trânsito guiado pela cor e pela horizontalidade do suporte.

Criamos um trabalho flutuante com a extensão da área cinzenta, mas algo muito significativo e legal para nós foi o fato de na semana seguinte quando passamos em frente ao muro, vimos que a parte cinza do muro em volta da nossa intervenção havia sido pintada de verde e soubemos depois que foram os grafiteiros do bombing que incorporaram nosso trabalho a ação deles.

Materiais utilizados:
Tinta acrílica e pigmentos

Dimensões:

Data:
03/2016